segunda-feira, 30 de junho de 2014

Raspberry Pi e OpenELEC

As crianças são, surpreendentemente, os maiores usuários do meu Raspberry Pi. Assistir filmes é muito mais simples e rápido do que usar DVDs. Além disso, o meu aparelho de DVD não produz um sinal de alta resolução.

Tenho usado o OpenELEC com um cartão SDHC de 32GB. Ele ocupa cerca de 130MB e deixa o resto do cartão livre. Cada filme ocupa, mesmo em resolução de DVD (720x480), algo entre 500MB e 1GB. Então, consegui colocar todos os DVDs infantis num só cartão.

Além disso, não preciso passar por todas as introduções e menus que os DVDs costumam ter. É um pouco irritante ter que passar por ameaças legais para ver um produto pelo qual paguei.
Posso controlar o OpenELEC pelo celular, usando a aplicação para Android XBMC Remote. O controle remoto utiliza um serviço oferecido pelo OpenELEC via HTTP. Entretanto, ainda é mais simples usar o teclado (mas guardo para impressionar as visitas).

Então, o Pi está se revelando uma ótima opção para computador de viagem. Além de levar filmes para as crianças, poderei fazer cópia de segurança de fotos e filmes. E tudo o que preciso (Pi, cabos, cartões, teclado, etc) cabe dentro de uma caixinha de sorvete de 1,5l e pesa muito menos que um laptop.

Um comentário:

Anônimo disse...

Show! Tenho usado bastante, com a mesma finalidade.

Esse case mostrou-se muito bem acabado e util:

http://www.dx.com/p/197133