quinta-feira, 24 de março de 2011

Renda e longevidade

Depois de gerar um gráfico para relacionar renda com população das cidades gaúchas, resolvi adicionar mais uma dimensão: a longevidade.

Para demonstrar a longevidade, resolvi usar cor. No gráfico anterior, usei linhas para mostrar o nível de renda. Neste, usei círculos. As alturas refletem a renda, como no gráfico anterior, e a cor indica a longevidade da população.


select 'fill('||w||');ellipse('||x||','||y||',6,6);' from (  
  select trunc(log(10,habitantes)*100)-300 x,
         500-trunc(avg(renda)*500) y,
         trunc(avg(longevidade-0.651)*1000) w
  from municipios
  group by trunc(log(10,habitantes)*100)-300
)

Como a longevidade varia de 0,651 a 0,879, usei a diferença entre cada índice e o mínimo para realçar as diferenças. Caso contrário, todas sairiam com um cinza parecido e o gráfico não seria nada interessante.

A consulta produz linhas com o seguinte formato:


fill(117);ellipse(72,176,6,6);


E o resultado é a imagem que segue:

Parece-me que quanto maior a cidade, maior deve ser a renda para que aumente a longevidade.

2 comentários:

Ed.Londero disse...

Que tal empregar cores ao invés de tons de cinza e usar o raio da esfera para o tamanho da cidade ?
Já imaginou quanto dá para viver em Pelotas com o nosso salário ?

Ed.Londero disse...

Comprei um livro sobre R da O´really. Minha surpresa foi o acesso a dados da ONU. No 1º exemplo ele vai ao site:
http://data.un.org/
Pesquise:
"income datamart[WHO]"