quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Temporada de caça na política

Há um desenho animado muito antigo no qual o Patolino e o Pernalonga discutem se a temporada de caça é a de coelho ou a de pato. Evidentemente, cada um está tentando salvar a sua pele.

Num dado momento, Pernalonga inverte a situação e declara que a temporada é a de caça de coelho. Patolino prontamente retruca que é de pato.

A mesma tática descobri que funciona com crianças pequenas. Quando estou cansado de correr atrás de um baixinho, viro e corro na outra direção. Invariavelmente, o piá começa a correr atrás de mim.

Nestas eleições, sinto que essa tática está sendo aplicada nos detratores do Bolsa Família. Discutiam-se os méritos do programa e agora luta-se pela paternidade. Quem queria votar em azul, porque o vermelho fazia uso eleitoral do programa, agora reclama para o azul a autoria.

O eleitor vai decidir em quem atirar.

Um comentário:

Ed.Londero disse...

Passada a eleição, o azul agora age como a mulher mentirosa que disputa uma criança com a mãe verdadeira perante Salomão e agora xinga o bolsa família e seus beneficiários.
Na realidade na terça feira Dilma estava ganhando pela mesma margem que ganhou de Serra em 2010 e quando chegou na quinta saiu a VEJA antecipada para a militância azul distribuir nas esquinas e no sábado ocorreu o "envenenamento" ficto do doleiro e 5 milhões de votos paulistas trocaram de lado.