sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Retrospectiva 2030

O Brasil tornou-se a primeira grande nação a abolir o transporte rodoviário baseado em combustíveis fósseis. Todos os carros, caminhões, ônibus e motocicletas novos são movidos a álcool, a hidrogênio, a eletricidade ou a ar comprimido. A despoluição da região metropolitana de São Paulo foi um dos efeitos mais claros dessa mudança. Antecederam ao Brasil a Nova Zelândia, a Dinamarca e o Uruguai.

O país continua crescendo fortemente e absorve mão-de-obra dos países vizinhos, como Paraguai e Bolívia, deixando grandes espaços despovoados no centro do continente. Essa concentração economica no Brasil tem favorecido a recomposiçao ambiental da região. O Paraguai transformou toda a região do Chaco em um parque nacional.

O Mercosul agora abrange todos os países da América do Sul, exceto as Guianas e o Suriname. As negociações por uma moeda única prosseguem e o nome deve ser Sol, Bolívar, Colombo ou Peso. O BNDES foi transformado em Banco de Desarollo del Cono Sur.

A Suíça agora é conhecida como o Uruguai da Europa. Refletindo o movimento do século passado, mais italianos rumam à Argentina para fugir da estagnação de seu país.

O presidente Rodriguez, dos Estêites, finalmente declarou a moratória da dívida. No Brasil, o dólar vinha sendo cotado a US$17 por real e, após a moratória, terminou o ano estável a US$45. A maior parte das reservas internacionais agora está guardada em Euros e Yuans. A indifindável crise estadounidense, com raízes na crise financeira de 2008, tem levado alguns estados do sul a cogitar a união com o México. Os maiores interessados são o Novo México, a Califórnia, o Arizona e o Texas.

A Europa sofre com uma crise aguda de falta de mão-de-obra. Como resultado, há uma grande entrada de profissionais da China e do Oriente Médio; essas são atualmente as únicas regiões com excesso de mão-de-obra qualificada. A Turquia abandonou definitivamente as esperanças de participar da zona do Euro e iniciou conversas para a criação de um bloco com Argélia, Tunísia e Líbia.

Israel continua em conflito com seus vizinhos que exigem o fim de novos assentamentos na Jordânia, no Líbano e na Síria para iniciar tratativas de paz.

Nos esportes, a CBF impôs um limite ao número de jogadores europeus e africanos. As seleções de vôlei continuam invictas há 10 anos e o país agora é conhecido como o país do vôlei. O país também tem 3 jogadores entre os 10 melhores da ATP e 5 entre os 20 melhores. Um brasileiro ganhou pela primeira vez um grande torneio de golfe e na F1 persiste uma rivalidade intensa com os alemães com 5 campeonatos para cada país na última década.

3 comentários:

COLORADOS disse...

Faltou dizer que o Sport Club Internacional sagrou-se pentacampeão mundial com o gol da vitória da grande revelação da década, Chiquinho !!!

Ed.Londero disse...

Quantos nóbeis (escreve assim ??) de física ?
Prezado Gabriel, tua saudade não é só dos 8 bits, ela é de todo os anos 70, do Brasil-grande-e-forte, me dá um certo enjoo de lembrar como eu era virgem e boboca naquela época.
A coisa de lá para cá melhorou imenso, no sentido do amadurecimento, no sentido do acúmulo de experiências.
Como éramos cafonas e provincianos.
Revista era VEJA ou VISÃO ou MANCHETE.
Vida cultural eram os blockbusters, um a cada ano, que rendiam matérias na VEJA por semanas a fio. E no plano nacional era um disco do Chico e um da Bethânia todo ano.
A vida era muito pacata.
Discordo da tua visão, acho muito simples e rósea.
Porém como "torcida", acho positiva.

forinti disse...

Nem colorado nem boleiro, Chiquinho vai para a natação quebrar os recordes do Cielo.